Drenagem linfática, massagens relaxantes, tudo tem o tempo e indicação certas, dentro do pós-operatório. Equipe médica e o seu cirurgião plástico deixam claro cada procedimento a ser tomado para cuidar das cicatrizes e gerenciar os processos que podem causar inchaços ou edemas. Siga rigorosamente cada passo, conforme o acompanhamento.

 

Para cada tipo de cirurgia há um processo de cicatrização. Para além disso, há um biotipo, uma pessoa, um paciente.

 

O pós-operatório é um processo individual de terapia, que pode ter a indicação de acupuntura, drenagem linfática, massagens e até exercícios específicos para auxiliar na resposta do organismo. Todos esses tratamentos deve acontecer um tempo depois da cirurgia, e essa quantidade de dias precisa ser alinhada com o seu médico, dentro do ambiente do consultório.

 

Veja dicas práticas sobre o pós-operatório:

  1. Evitar ingerir líquidos ou alimentos imediatamente até 5 horas depois do procedimento. Isso evita ânsia ou náusea, na maioria dos casos. Prefira uma alimentação leve após esse período.
  2.  Aliás, vá ao supermercado antes de voltar para casa! Então, pergunte previamente para o seu médico as recomendações sobre alimentação.
  3. Pergunte ao cirurgião ou à equipe médica se a cinta, malha compressiva ou sutiã são os indicados, e estão corretos. O modelo e o material devem estar de acordo com a necessidade da pele.
  4. Lembre-se: depois da cirurgia, você passa por um período de cautela, que são cruciais para não comprometer o resultado do procedimento cirúrgico. Pergunte para o seu cirurgião sobre as limitações e organize-se previamente para ter todo o suporte necessário nesse período.
  5. Evitar esforços e deixar o corpo descansar. Parece óbvio, mas esse tipo de recomendação expressa não deve ser negligenciada, a fim de não atrapalhar o processo de cicatrização em nenhuma etapa.
  6. Concentre-se em entender os curativos a serem feitos nas regiões em que os tecidos sofrem acomodação. Tire as dúvidas e faça tudo de maneira calma e sistematizada, exatamente como for orientado pelo seu cirurgião plástico e equipe médica.
  7. Aproveite para rever seus hábitos com a mudança de cuidados que a sua cirurgia te levou a incorporar. Pense que os resultados devem ser duradouros e, quanto melhor você cuidar da sua saúde (em médio e longo prazos), mais vai desfrutar dos efeitos da sua cirurgia plástica.
  8. Sol após a cirurgia não é uma boa ideia, pelo simples motivo que a temperatura mais alta auxilia a vasodilatação, pode resultar em mais inchaço ou sensação de latejamento. Evite a exposição por 60 dias subsequentes ao procedimento; proteja-se e consulte o cirurgião plástico para saber quando voltar a tomar sol com moderação.
  9. Compareça em todas as consultas de retorno solicitadas pelo seu cirurgião.